Skip to main content

Cultura organizacional e seus benefícios

By 20 de maio de 2022maio 25th, 2022b2b, B2C, Blog, Gestão de Pessoas, Processos de Negócios
Cultura organizacional

A cultura organizacional pode ser a chave para o sucesso de uma empresa. Entenda os benefícios que ela pode oferecer em nosso artigo!

A cultura organizacional de uma empresa é constituída por raízes profundas que mostram do que ela é feita.

Não podendo ser aplicada de uma hora para a outra e nem de qualquer jeito, a cultura corporativa comunica aos funcionários e ao público geral, o significado do seu nome e do seu motivo de ser.

Na fachada de vidro da loja, nos outdoors de centro de cidade, da recepção do estabelecimento até as paredes de suas escadas, em todos os lugares devem estar ilustrado, por palavras ou símbolos, o impacto da empresa no mundo.

O slogan da marca, além do seu nome, palavras ou frases de efeito, identidade visual, e todas as formas de comunicação dela devem ser, para o melhor efeito das campanhas de marketing, formas sintéticas de expressar a cultura corporativa da empresa.

Portanto, este artigo traz o que é a cultura organizacional na prática, qual a sua real importância, e o que ela proporciona aos funcionários que integram uma empresa.

Definição de cultura organizacional

A cultura organizacional de uma empresa é tudo aquilo que ela compartilha, seja com o próprio grupo ou com os clientes e parceiros.

Ela diz respeito a um conjunto de crenças, normas, valores, hábitos, tradições e atitudes.

Uma prestadora de serviços terceirizados, mesmo não tendo grande fama, compartilha com os seus parceiros e clientes a mesma missão.

No exemplo dessas empresas, o mais comum é o compartilhamento dos hábitos sustentáveis e respeito aos empregados.

Ter uma cultura significa compartilhar os mesmos valores que alguém. Dessa forma, a cultura corporativa deve englobar todos os valores partilhados por seus funcionários.

Mas, não para por aí, essa cultura deverá se refletir também na percepção dos clientes sobre a empresa.

Uma transportadora que trabalha com frete dedicado e fracionado e possui como missão o dever de entregar as cargas do cliente com responsabilidade, agilidade e competência, se trata claramente de uma cultura que envolve funcionários e clientes.

Se o cliente tem o direito de receber bem rápido, com qualidade e segurança, é graças ao fato de que os motoristas e operadores de carga têm o dever de proporcionar qualidade e segurança com agilidade.

A cultura organizacional não é um conjunto de ideias que podem ser implementadas de uma hora pra outra.

Nem mesmo do dia para a noite. A cultura de uma empresa é um ativo de autoridade. E para alcançar isso, é preciso fazer um trabalho bem feito.

Portanto, para que esse trabalho resulte em mais autoridade, é preciso trilhar o caminho correto para construí-la.

Uma empresa que resolve investir na sua cultura corporativa está dando início a um processo regular e constante, que deve ser pensado estrategicamente.

Com esse processo em ação, a empresa terá em breve a sua identidade. Dessa forma, irá se destacar das demais.

A manutenção de freios automotivos de uma firma de autopeças com uma cultura organizacional bem feita e consolidada será diferente das demais empresas.

Pois, até em um serviço deste tipo é possível observar a forma que a empresa opera.

A cultura de uma empresa é primordial para a boa comunicação entre seus funcionários.

E é essa eficácia que dá consistência a todos os trabalhos feitos, além de também manter a coesão dos projetos e auxiliar na tomada de decisão.

Um serviço de hospedagem canina feito em uma clínica veterinária precisa da boa comunicação de seus funcionários.

Desse jeito, ter uma boa cultura se torna o diferencial da empresa e pode influenciar diretamente nas primeiras impressões de um cliente.

A cultura corporativa da empresa tem o objetivo de no curto, médio e longo prazo, ser uma alavanca para os negócios.

A importância de uma cultura organizacional bem construída

A cultura organizacional de uma empresa possui uma importância fundamental para o sucesso das empresas que desejam sobreviver diante das adversidades, principalmente, das constantes mudanças do mercado.

Uma boa cultura corporativa garante a fidelidade dos colaboradores e dos clientes.

Sendo por meio dessa organização que se chega à excelência profissional, de maneira que os superiores não precisarão se preocupar em ficar contratando e demitindo funcionários.

Uma oficina local de inspeção veicular que emite laudo pericial cautelar se manterá sempre nos primeiros resultados das pesquisas online, caso tenha base para aprimorar os seus negócios e continuar mantendo a sua essência, mesmo diante das mudanças.

Trata-se de uma prática aplicável em todas as áreas, não importa o tamanho do negócio, nem mesmo se trata-se de venda de produtos ou serviços,

Até uma simples fábrica de piso de borracha para academia precisa construir essa cultura e consolidar a sua identidade.

Dessa forma, a cultura de uma organização é indispensável para quem deseja levantar um negócio de maneira profissional.

Junto a tudo isso, no médio e no longo prazo, o que enche os olhos dos empresários que investem alto na prática de construir uma cultura corporativa, são os grandes benefícios que essa construção proporciona.

Os principais motivos que atraem os empreendedores são:

  • Crescimento da percepção de marca;
  • Retenção de talentos;
  • Contratações de excelentes profissionais
  • Engajamento de funcionários com a marca;
  • Aquisição de clientes;
  • Transformação dos colaboradores em defensores da marca.

Essas vantagens acabam se constituindo como pilares do negócio.

A marca se torna bem-vista no mercado quando consegue conciliar a satisfação de seus clientes com o bem estar de seus colaboradores.

Portanto, a cultura da empresa precisa consistir, primariamente, nesses tipos de valores.

Dessa forma, ela alcança algo que é chamado de retenção de talentos, a empresa consegue a fidelidade de bons funcionários.

Pessoas com grandes talentos não permanecem em ambientes desagradáveis com pessoas que não o reconhecem.

É papel da empresa, portanto, reter esses talentos, para que os funcionários se sintam bem satisfeitos e permaneçam.

Sendo assim, o investimento na cultura corporativa traz o benefício de excelentes contratações para dentro da corporação.

Então, até mesmo para uma firma de recuperação de fachadas de prédios é preciso fazer boas contratações.

Caso contrário, a qualidade do serviço cai e a imagem da empresa vai, igualmente, lá para baixo.

Dessa forma, se a empresa se preocupou lá atrás com o bem-estar dos empregados que já faziam parte do time dela, ela conseguirá lucrar com isso ótimas indicações para o futuro.

Isso é uma garantia de contratações certas.

Além disso, funcionários bons que indicam outros para o seu trabalho, e que se sentem em casa na empresa, são outro ativo de vendas poderoso para a marca.

Dessa forma, os colaboradores fazem uma ponte direta para futuros clientes.

Assim, a empresa conseguirá escalar seus resultados, trazendo cada vez mais pessoas novas, tanto para trabalhar como para comprar.

Por fim, o resultado: a cultura corporativa transforma os funcionários em defensores da marca, e na grande maioria das vezes, eles também se tornam clientes.

Exemplos de cultura organizacional

Sendo assim, a cultura corporativa pode ser construída, como já foi dito, em qualquer negócio.

Existem bons exemplos para se espelhar nos ramos digitais, como sites de buscas, plataformas de streaming, assim como lojas de conveniência e lanchonetes.

Empresas cuja prática possui grande valor simbólico, estão no na lista das redes sociais, plataformas de banco online e marcas de celular, e até mesmo multinacionais voltadas para a criação de programas de computador.

Contudo, apesar da quantidade de grandes corporações, os pequenos e médios negócios também têm o seu lugar.

A verdade é que até uma fábrica de piso de borracha para academia pode fazer uso da estratégia e se tornar referência na área.

Mas, algumas formas de cultura corporativa banalizadas no mercado certamente não devem ser seguidas.

Tratam-se de práticas tóxicas que não contribuem para o crescimento, e atrapalham o rendimento dos times.

As cinco mais comuns são:

  • Cultura reacionária;
  • A Cultura de clube;
  • Cultura da ausência;
  • A Cultura da zona de conforto;
  • Cultura formalista.

Veja também: 10 sinais de você está fazendo a liderança certa!

A cultura reacionária representa uma grande dificuldade em aderir às mudanças do mundo corporativo.

Logo, essa falta de flexibilidade atrasa o progresso da empresa e prejudica a experiência dos colaboradores, que se sentirão atrasados perante o mercado.

A cultura de clube se refere ao ambiente de trabalho em que o chefe representa a figura de um soberano. Dessa forma, não há uma boa distribuição das hierarquias.

Nesses lugares, a bajulação e os favorecimentos parciais reinam e o profissionalismo termina sendo corrompido.

A cultura da ausência é marcada pelo absenteísmo, que significa ausências ou atrasos constantes do profissional no local de trabalho.

Como essa prática é constantemente tolerada, o mau exemplo de um acaba sendo seguido por muitos.

Na cultura da zona de conforto acontecem grandes acomodações que se tornam danosas ao rendimento do negócio.

Para as grandes empresas, isso implica um risco de queda de posição em relação às outras. Para as pequenas, implica em um grande obstáculo para o progresso.

Por fim, a cultura formalista traz um excesso de formalismo enfadonho para o ambiente corporativo, o que torna a experiência dos colaboradores incomoda, prejudicando o desempenho e a criatividade.

Considerações finais

Portanto, o ambiente de trabalho possui inúmeros desafios, tanto para os gerentes e gestores, para os que ocupam altos cargos, quanto funcionários de cargos menores e até para os estagiários.

Por isso, a cultura organizacional é a chave para uma empresa de sucesso, e possui um papel fundamental para o bem-estar de todos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Close Menu